fundo: diferenças entre revisões

1 268 bytes adicionados ,  18 de outubro de 2008
sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
# [[soma]] em [[dinheiro]] ou [[valor]]es apreciáveis que constituem o ativo de uma sociedade
# [[provisão]] de numerário em poder do sacado para atender ou cobrir os saques efetuados por aquele que tem disponibilidade da provisão (o sacador)
 
 
 
{{tradini|[[Image:LuisdeCamoes4.jpg|10px]] [[camonismo|Camonismo]] [[Image:Os Lusíadas.jpg|10px]]
[[Categoria:Camonismo (Português)]]}}
*** '''13 ocorrências n'Os Lusíadas'''
*** rimas n'Os Lusíadas: [[mundo]]; [[profundo]]; [[rotundo]]; [[segundo]]
* Pega no '''fundo''' a âncora pesada; - Os Lusíadas II-74-6
* E do Garuna frio e Reno '''fundo'''. - Os Lusíadas III-16-4
* No mais interno '''fundo''' das profundas - Os Lusíadas VI-8-1
* Descobre o '''fundo''' nunca descoberto - Os Lusíadas VI-9-1
* No '''fundo''' aquoso, a leda, lassa frota - Os Lusíadas VI-38-2
* Que nem no '''fundo''' os deixa estar seguros. - Os Lusíadas VI-77-8
* Se faz ouvir no '''fundo''' lá dos mares. - Os Lusíadas VII-76-4
* As filhas de Nereu no ponto '''fundo''', - Os Lusíadas IX-40-2
* Em sonhos, e despois no Reino '''fundo''', - Os Lusíadas X-7-6
* Fará ir ver o frio e '''fundo''' assento, - Os Lusíadas X-35-7
* Mar Roxo, que do '''fundo''' toma as cores; - Os Lusíadas X-97-4
* Atenta a ilha Barém, que o '''fundo''' ornado - Os Lusíadas X-102-5
* No '''fundo''' da enseada, o ilustre rio - Os Lusíadas X-120-7
{{tradfim}}
 
==Sinônimos==
518

edições